Casal é preso por estelionato e tenta colocar culpa em filho de 11 anos

A Polícia Civil apresentou um caso de estelionato e corrupção de menor, na tarde desta sexta-feira, dia 02, na Delegacia Estadual de Investigações Criminais (Deic), na Capital.

Por Capital do Entorno 06/06/2017 - 09:28 hs

 De acordo com a polícia, os pais de uma criança de 11 anos faziam compras usando o cartão bancário de outra pessoa e culparam a criança. As investigações da polícia apontam que o prejuízo causado pelos dois pode chegar a R$ 5 mil.

Segundo a delegada Mayana Rezende, o casal Nayara Yokiti de Jesus e Dhiego Mendes de Jesus foi surpreendido recebendo uma mercadoria do valor de aproximadamente R$ 700 adquirida de forma fraudulenta, através da utilização do cartão bancário de terceiro. Vários objetos produtos da fraude foram apreendidos na residência, além de uma espingarda calibre 22 e munições.

De acordo com a polícia, o menino confirmou a versão dos pais e disse ter encontrado o cartão bancário da vítima na rua. As compras foram realizadas com os CPFs e contas de e-mails dos genitores da criança. A audácia foi tanta que até diárias em um hotel no litoral da Bahia haviam adquirido através da fraude. Nayara e Dhiego foram autuados em flagrante pela prática dos crimes de estelionato, corrupção de menor e posse irregular de arma de fogo.

Assessoria de Imprensa da Polícia Civil