Prefeitura de Valparaíso cria gabinete integrado de segurança pública

A Prefeitura de Valparaíso de Goiás tem executado ações a fim de melhorar a qualidade da segurança pública no município.

Por AMAB - Acessoaria de Comunicação 08/02/2018 - 09:41 hs

A mais recente atitude do governo local foi à realização da 1ª reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM). O encontrou serviu para discutir ações que busquem o policiamento ostensivo e ações conjuntas de prevenção contra o crime. “O gabinete, reativado em dezembro de 2017, mediante Decreto, faz parte das metas do Pacto Social Goiás Pela Vida e acolhe um novo modelo de gestão”, informou a prefeitura.

O prefeito de Valparaíso, Pábio Mossoró, é o atual presidente do GGIM. Em sua fala, durante o encontro, Mossoró lembrou que o gabinete é um órgão estratégico e deve ser constantemente utilizado.

“Esse grupo foi resgatado para discutir soluções para prevenção. A própria comunidade acredita que segurança pública é apenas policial nas ruas, mas, na verdade, segurança pública se dá por meio de uma série de ações que instrumentam e melhoram significativamente a segurança”, disse Mossoró.

O governo do Estado de Goiás informa que, após a criação do programa “Pacto Social”, que surgiu com a necessidade de envolver a população para tratar de segurança pública, 89% dos crimes, concentrados nas 21 cidades mais violentas do Estado, acontecem contra a vida e o patrimônio público e privado. O governo garante que o monitoramento das ações, a partir deste ano, será mais efetivo.

A composição do GGIM será feita por indicações, cada órgão de segurança pública do município terá seu representante, para se reunir uma vez por mês junto com os outros membros do gabinete.

Para o prefeito de Águas Lindas de Goiás, Hildo do Candango, a medida adotada pela gestão de Pábio Mossoró é um exemplo de trabalho coerente, pois a violência tem aumentado no país, de norte a sul, e, consequentemente, tem assustado os brasileiros.

“Não podemos permitir que a violência seja a regra na sociedade brasileira, e a tranquilidade e a paz social uma exceção. Por isso, a atitude da gestão de Mossoró é certeira, pois trata do bem mais preciso do cidadão: sua vida”, argumento Hildo.