CRAS Céu Azul é revitalizado e reordenado para garantir melhor atendimento

Mensalmente o Centro de Referência de Assistência Social realiza cerca de 600 atendimentos. O público prioritário do CRAS são as famílias que recebem algum benefício da assistência social

Por Capital do Entorno 06/08/2017 - 16:29 hs

Com o objetivo de deixar o Centro de Referência de Assistência Social mais aconchegante para as famílias que frequentam e utilizam os serviços do CRAS. A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, com ajuda de toda a equipe do CRAS Céu Azul, realizou o reordenamento e revitalização do espaço.

 

Agora, o local conta um amplo espaço, recepção, sala para triagem, atendimento do Bolsa Família, salas de atendimento social  e psicólogo, sala para confecção da carteirinha do idoso, sala de alfabetização,  oficinas, e reunião,  refeitório, cozinha,   além de ramais e dois computadores doados pelo Projeto Programando o Futuro e outros dois pela própria Secretaria de Desenvolvimento Social.

 

Segundo o coordenador do CRAS do Céu Azul, Clegilson Nascimento, o espaço melhorou tanto para os profissionais quanto para a população. “O Centro de Referência de Assistência Social é a casa de acolhimento da família, por isso prezamos pelo bom atendimento. Aqui eles se sentem bem. Acredito que o trabalho em equipe é o que garante a qualidade na execução dessas ações e a reestruturação era necessária para garantir um ambiente humanizado para todos, além disso, prezamos pela organização dos atendimentos e das informações recebidas, tudo é registrado em formulários e todas as informações são enviadas para o Ministério do Desenvolvimento Social”, completou.

 

Clívia, orientadora social e atendente do Bolsa Família destaca  a importância do reordenamento. “Como o CRAS é a casa de acolhimento, precisamos dar esse aconchego. Aqui eles têm que se sentir acolhidos e, agora, após o reordenamento o CRAS está mais espaçoso e agradável”, evidenciou.

 

A secretária de Desenvolvimento Social, Joselene Bastos, destacou o dinamismo dos colaboradores, em especial do coordenador no processo de melhoria do espaço. “Estamos reestruturando todos os programas para atender o que preconiza o Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Os nossos colaboradores fizeram a diferença, eles possuem um olhar diferenciado e identificaram o que precisava ser feito e sem medir esforços foram em frente”, concluiu.

 

Mensalmente o Centro de Referência de Assistência Social realiza cerca de 600 atendimentos. Opúblico prioritário do CRAS são aqueles que recebem algum benefício da assistência social, como por exemplo: o Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) ou outros benefícios da Assistência Social, ou ainda famílias em situação de vulnerabilidade social devido a fragilização dos vínculos familiares ou com a comunidade.

 

 

Conheça o CRAS

 

O CRAS é uma unidade pública estatal descentralizada da política de assistência social de proteção social básica do Sistema Único de Assistência Social, que tem por objetivo prevenir a ocorrência de situações de vulnerabilidade e riscos sociais nos territórios, por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições, do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, e da ampliação do acesso aos direitos de cidadania.

 

 Os Centros de Referência de Assistência Social são a porta de entrada para o cidadão acessar seus direitos socioassistenciais. Seu foco de atuação é a busca pela superação das desigualdades sociais e a promoção da vida dentro do território em que está sediado.

 

Cabe ao CRAS desenvolver e articular ações para a Proteção Social Básica, ou seja, prevenção de situações de risco pessoal e social, por meio do desenvolvimento de potencialidades e acesso a direitos e pelo fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.O principal serviço do CRAS é o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF), desenvolvido principalmente em grupos, busca a participação da família para promover orientações e prevenir situações de vulnerabilidade ou violência.

 

Já o  Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos busca reunir as pessoas, nas suas respectivas faixas etárias, crianças e adolescentes ou idosos, para o desenvolvimento de ações em grupos visando à prevenção a situações de vulnerabilidade e violência, constituem-se em espaços de convivência e fortalecimento de vínculos com a comunidade.

 

Também existe o  Serviço no domicilio para pessoas com deficiência ou idosos que não tenham condições de buscar pelos serviços no CRAS ou na sua comunidade, que garante acesso aos Direitos através de encaminhamentos e orientações durante os atendimentos.

 

No caso de famílias em acompanhamento, o CRAS realiza plano de acompanhamento familiar que constitui em planejamento conjunto entre a(s) família(s) e profissionais (psicólogo e assistente social) do CRAS para que a família supere suas dificuldades e alcance seus objetivos. Através das ações particularizadas ou em grupos com famílias usuárias dos benefícios da Assistência Social, é discutidotemas que contribuem com a família e com o fortalecimento de vínculos.

 

Outras ações do CRAS na comunidade tem o objetivo de estimular a convivência comunitária, divulgação do acesso aos direitos e a participação da comunidade na construção da vida pública do seu território.

 

Quais as ações que compõem o CRAS?

Podem ser de caráter individual ou coletivo.          

Acolhida;

Oficinas com famílias;

Ações comunitárias;

Ações particularizadas;

Encaminhamentos.

 

Como ter acesso às ações do CRAS?

Por procura espontânea;         

Por busca ativa;

Por encaminhamento da rede socioassistencial;

 Por encaminhamento das demais políticas públicas.

 

Serviços e Programas de Proteção Social Básica Ofertado nos Cras

• Acolhimento Social
• Acolhimento Psicossocial
• Programa de Atenção Integral à Família - PAIF
• Programa de Atenção Integral ao Idoso 
• Programa socioeducativo para crianças e adolescentes de 07 a 14 anos
• Programa socioeducativo para adolescentes e jovens de 15 a 17 anos
• Programas de Transferência de Renda para famílias ou pessoas de baixa renda: Bolsa Família, Renda Cidadã e BPC – Benefício de Prestação Continuada para idosos e deficientes.
• Encaminhamentos para Cursos e oficinas de capacitações.
• Serviço gratuito de solicitação de 2ª. via de Certidão de Nascimento, para pessoas referenciadas nos CRAS.

PAIF - Proteção e Atendimento Integral à Família


O principal serviço ofertado pelo CRAS e Centros Comunitários é o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF). Este é um trabalho de caráter continuado que visa fortalecer a função protetiva das famílias, prevenindo a ruptura de vínculos, promovendo o acesso e usufruto de direitos e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida.

 

O CRAS acionam os seguintes direitos:

 

Serviços: Socioeducativos, sociocomunitários, fortalecimento de vínculos e crescimento pessoal. 
- Espaço Amigo
- Oficinas de Convivência
- Reuniões socioeducativas
- Grupos de Apoio

 

Benefícios:
Bolsa Família
Renda Cidadã
Renda Cidadã Idoso
BPC - Benefício de Prestação Continuada
Benefícios emergenciais ou eventuais


CRAS Céu Azul - Centro de Referência de Assistência Social do Bairro Céu azul
Endereço: Rua 80 Quadra 164 lote 17 lª etapa Céu Azul
Telefone: (61) 3624-7626
Horário de funcionamento: 08h às12h – 13h às 17h
 

CRAS Santa Rita - Centro de Referência de Assistência Social do Bairro Santa

Endereço: Quadra 05 Lote 06 Avenida CentralSanta Rita

Telefone:( 61)3615-3238
Horário de Atendimento: 08h às 12h e 13h às 17h  

 

 

Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Valparaíso de Goiás

Com informações do Centro de Referência de Assistência Social Jardim Céu Azul